terça-feira, 4 de maio de 2021

=> Abertas inscrições para o programa de cursos de cultura “SescPE em Casa”



 Idealizadas pelo Centro de Produção Cultural, Tecnologia e Negócios (CPC), formações acontecem de 11 de maio a 16 de julho, com aulas on-line 

 

O Centro de Produção Cultural, Tecnologia e Negócios do Sesc, localizado em Garanhuns, abriu inscrições para cursos de artes que fazem parte do programa “SescPE em Casa” que serão realizados de 11 de maio a 16 de julho em formato virtual e ao vivo. As formações contemplam as linguagens artísticas de Teatro, Música, Dança, Literatura, Audiovisual e Artes Visuais. Para participar, é preciso fazer a inscrição no site de cursos do Sesc PE (https://cursos.sescpe.com.br). O valor total do investimento é de R$ 80, sendo que os trabalhadores do comércio e seus dependentes, que têm o Cartão do Sesc atualizado, têm desconto e pagam R$ 40.

 

No período de 11 de maio a 15 de julho serão realizados os cursos de Cinema de Bolso – Criação de Brinquedos ÓpticosCinema Documentário – ambos ministrados por Gabi Saegesser, e A Voz como Instrumento de Trabalho, com Patrícia Van Der Linden. Já de 12 de maio a 16 de julho, acontecem as demais formações: Dança Contemporânea para Iniciantes, com Gardênia Coleto; Escrita Criativa para Crianças e Escrita Literária para Adultos, com Marcilene Pereira; Teatro On-line para Iniciantes, com Yalle Feitosa. Robson Cavalcanti vai ministrar duas turmas de Música: Violão Popular para Iniciantes e Teoria Musical e Leitura de Partituras

 

Para quem se interessa pelas Artes Visuais, são três as opções, que também acontecem de 12 de maio a 16 de julho: Ilustração para LiteraturaDesenho e ToyArt – Arte para a Família e Pintura em Aquarela, todas com Rafael Vinícius. Os dias e horários dos cursos estão descritos nos links de inscrição de cada um deles. “A proposta do Sesc é transformar as casas das pessoas em centros culturais, ou seja, é levar as formações que realizamos de forma presencial no CPC até as pessoas que, neste tempo de pandemia do novo coronavírus, se encontram em casa, respeitando o distanciamento social”, afirma Josimar Araújo, supervisor de cultura do CPC.

 

Sesc - Fundado em 1947 em Pernambuco, o Serviço Social do Comércio é uma instituição privada mantida pelos empresários do comércio de bens, serviços e turismo. Atuante na Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata Norte, Zona da Mata Sul, Agreste e Sertão, oferece atividades gratuitas ou a preços populares nas áreas de Educação, Cultura, Lazer, Assistência e Saúde para comerciários e dependentes. As 23 unidades, incluindo os hotéis em Garanhuns e Triunfo, operam respeitando os protocolos de saúde e alinhadas aos órgãos públicos, e têm ações presenciais, virtuais ou híbridas. No campo digital, a instituição oferece o aplicativo Sesc-PE, facilitando acesso às atividades, renovação e habilitação do cartão, entre outras funcionalidades, e disponibiliza a plataforma Sesc Digital (https://cursos.sescpe.com.br/todos). Por ela, é possível conhecer o cronograma de cursos e realizar a inscrição de forma online e segura. Para acompanhar todas as informações sobre o Sesc, acesse www.sescpe.org.brAlém disso, os empresários do comércio de bens, serviços e turismo que possuem o Cartão do Empresário, da Fecomércio, podem adquirir produtos e serviços do Sesc em condições diferenciadas. Mais informações: www.cartaodoempresario.com.br.

 

Serviço: “SescPE em Casa” – Programa de Cursos de Cultura

Realização: Centro de Produção Cultural, Tecnologia e Negócios do Sesc (CPC)

Data: de 11 de maio a 16 de julho

Inscrições: R$ 40 (trabalhadores do comércio e dependentes) e R$ 80 (público geral)

Link para inscrição: https://cursos.sescpe.com.br

Informações: (87) 3761.2658

 

Cursos

 

de 11 de maio a 15 de julho

Cinema de Bolso – Criação de Brinquedos Ópticos

Cinema Documentário

A Voz como Instrumento de Trabalho

 

de 12 de maio a 16 de julho

Dança Contemporânea para Iniciantes

Escrita Criativa para Crianças

Escrita Criativa para Adultos

Teatro On-line para Iniciantes

Violão Popular para Iniciantes

Teoria Musical e Leitura de Partituras 

Ilustração para Literatura

Desenho e ToyArt – Arte para a Família

Pintura em Aquarela


Fonte / Texto: Cláudio Rodrigues - Staff Comunicações

segunda-feira, 3 de maio de 2021

=> SESC LER BUÍQUE | INSCRIÇÕES PARA OFICINA DE LITERATURA DE CORDEL


 

Formação será de 12 a 14 de maio e terá como facilitador o poeta e declamador Diosman da Silva Avelino. Reserva de vagas na Central de Relacionamento com o Cliente 

 

Estão abertas, a partir desta segunda-feira (03/05), as inscrições para a Oficina de Cordel que o Sesc realiza em Buíque. A formação vai acontecer no período de 12 a 14 de maio, de forma presencial, na unidade do Sesc Ler, das 13h às 16h. A oficina será ministrada pelo poeta Diosmam da Silva Avelino, que também é declamador, artesão e produtor cultural. As inscrições podem ser feitas até o dia de início da oficina na Central de Relacionamento com o Cliente do Sesc, que fica na Rua Projetada, s/n, no bairro Frei Damião. O preço é de R$ 20, mas os trabalhadores do comércio e seus dependentes, com o Cartão do Sesc atualizado, têm desconto e pagam R$ 10.

 

Na formação, os alunos e alunas vão conhecer um pouco da história do cordel, os principais expoentes deste estilo literário e produzir seus próprios poemas por meio de ferramentas práticas, eficientes e relevantes para aplicação do cordel em vivências pedagógicas e artísticas retratadas em versos, rimas, métricas e oralidade. “A oficina vem para fomentar o surgimento de novos poetas e cordelistas e aproximar ainda mais essa manifestação literária tradicional da cultura popular brasileira ao público da nossa região”, explica Wellington Martins, instrutor de atividades culturais do Sesc Ler Buíque.

 

O facilitador – Diosmam da Silva Avelino é natural de Buíque, mas mora em Pesqueira há quase 10 anos. Possui dezenas de cordéis publicados, ministra oficinas de literatura de cordel e de artesanato em jornal, é idealizador do Arrasta Cultura, um dos grandes eventos culturais de Pernambuco que acontece em Pesqueira; do Traquinagem Cultural; e outros projetos. Assíduo participante de antologias, saraus, eventos, foi integrante da Sopoeses – Sociedade de Poetas e Escritores de Pesqueira. Participou do filme “O Matador”, disponível na Netflix.

 

Sesc - Fundado em 1947 em Pernambuco, o Serviço Social do Comércio é uma instituição privada mantida pelos empresários do comércio de bens, serviços e turismo. Atuante na Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata Norte, Zona da Mata Sul, Agreste e Sertão, oferece atividades gratuitas ou a preços populares nas áreas de Educação, Cultura, Lazer, Assistência e Saúde para comerciários e dependentes. As 23 unidades, incluindo os hotéis em Garanhuns e Triunfo, operam respeitando os protocolos de saúde e alinhadas aos órgãos públicos, e têm ações presenciais, virtuais ou híbridas. No campo digital, a instituição oferece o aplicativo Sesc-PE, facilitando acesso às atividades, renovação e habilitação do cartão, entre outras funcionalidades, e disponibiliza a plataforma Sesc Digital

(https://cursos.sescpe.com.br/todos). Por ela, é possível conhecer o cronograma de cursos e realizar a inscrição de forma online e segura. Para acompanhar todas as informações sobre o Sesc, acesse www.sescpe.org.br. Além disso, os empresários do comércio de bens, serviços e turismo que possuem o Cartão do Empresário, da Fecomércio, podem adquirir produtos e serviços do Sesc em condições diferenciadas.

Mais informações: www.cartaodoempresario.com.br.

 

Serviço: Oficina de Cordel, com Diosman da Silva Avelino

Realização: Sesc Ler Buíque

Data: de 12 a 14 de maio

Local: Sesc Ler Buíque

Horário: das 13h às 16h

Inscrições: R$ 10 (trabalhadores do comércio e dependentes) e R$ 20 (público geral) na Central de Relacionamento com o Cliente – Rua projetada, s/n, bairro Frei Damião

Informações (87) 3855.2230


Fonte / Texto: Cláudio Rodrigues - Staff Comunicações

sexta-feira, 30 de abril de 2021

=> Nossa Editora-chefe também é Mulher Evidência



Com o objetivo de homenagear o Dia Estadual Mulher Evidência, instituído pela Lei nº 16.284/2018 que definiu no calendário oficial anual a data de 30 de abril, foi iniciado a conscientização da data e sua importância para todas as mulheres no estado de Pernambuco.

Com fundamentação na lei foi Idealizado pela escritora e jornalista Cláudia Montes, o Prêmio Mulher Evidência foi instituído pela Lei Estadual 16.284/2018 e objetiva  valorizar as grandiosas obras desenvolvidas por mulheres que colaboram direta ou indiretamente com o crescimento e valorização de nossa cidade, estado e país.

A Lei de Número 16.284/2018 "Dia da Mulher Evidência" foi sancionada pelo Governador do Estado de Pernambuco, Projeto de Lei criado por Cláudia Montes, Claudia Montes tendo autoria do Deputado Federal Ossédio Silva.

Nosso agradecimentos a Jornalista Cláudia Montes, @claudiamontesoficial Lei Viva em nosso estado por fazer esse trabalho de suma importância, valorização e prática da sororidade em defesa da mulher....

Agradecemos também a @gdnia.samia por lembrá-la para essa homenagem na data de hoje. Ela também está sendo homenageada pois é referência no combate a gordofobia no estado.

quinta-feira, 29 de abril de 2021

=> Recife integra projeto do MTur para desenvolver Destinos Turísticos Inteligentes no país

 A capital pernambucana foi convidada pela Pasta e aceitou o desafio de se tornar um destino turístico inovador e servir de exemplo para potencializar o turismo em outras regiões do país


Recife, capital do estado de Pernambuco, é uma das 10 cidades brasileiras selecionadas pelo Ministério do Turismo para participar do projeto-piloto de implantação dos Destinos Turísticos Inteligentes (DTI) no país. O projeto é pioneiro e busca estabelecer diretrizes e um formato nacional para transformar cidades turísticas em destinos inovadores. E, desta forma, aumentar o desenvolvimento e a competividade nos destinos brasileiros, garantindo ainda melhores experiências aos visitantes.

Um Destino Turístico Inteligente é inovador e interativo – conceito que tem despontado como tendência mundial. É caracterizado por ofertar a seus visitantes produtos e experiências inovadoras e de qualidade tendo como base a estruturação e a convergência de cinco pilares: governança; inovação; tecnologia; sustentabilidade; e acessibilidade.

Na última semana, o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, se reuniu, por videoconferência, com autoridades dos primeiros nove municípios selecionados a participar do projeto e apresentou o desafio.

“Vamos construir um referencial técnico que será implementado em Recife e em mais nove cidades que estarão conosco neste projeto-piloto. Os ganhos serão muitos e resultarão na melhora do posicionamento turístico dos destinos brasileiros em âmbito nacional e internacional, beneficiando toda a cadeia turística do setor, que movimenta mais de 50 segmentos da economia”, destacou Gilson Machado Neto.

A secretária de Turismo e Lazer do Recife, Cacau de Paula, comemorou a inclusão da cidade no projeto-piloto. “Para nós, é uma honra fazer parte de uma lista seleta de municípios com o selo de Destino Turístico Inteligente. Somos uma cidade que se destaca pela criatividade, um destino que vai além do turismo tradicional de sol e praia, com museus e atrativos inovadores”, destacou Cacau de Paula.

As nove cidades já escolhidas para participar do projeto-piloto para implantação de Destinos Turísticos Inteligentes no país são: Rio Branco (AC) e Palmas (TO) representando a região Norte; Recife (PE) e Salvador (BA) que integram o Nordeste; Campo Grande (MS) e Brasília (DF), pertencentes ao Centro-Oeste; Florianópolis (SC) e Curitiba (PR), localizadas na região Sul; e o Rio de Janeiro (RJ), na região Sudeste. Em breve, o Ministério do Turismo anunciará a 10ª cidade a integrar a iniciativa.

COMO FUNCIONA – Por meio do projeto, a cidade de Recife passará por um diagnóstico da situação atual, que apontará uma estratégia de ação com vistas ao desenvolvimento do turismo local, de forma inovadora e interativa, além da capacitação dos gestores locais do setor de turismo.

O Ministério do Turismo também acompanhará a implementação das soluções relacionadas à eficiência na governança; a correta utilização de recursos públicos; o respeito às normas de acessibilidade e aos princípios de sustentabilidade, bem como a utilização da tecnologia a favor da valorização do destino e de seus patrimônios ao mesmo tempo em que atende às demandas dos seus visitantes.

DESTINOS TURÍSTICOS INTELIGENTES – A preparação da política pública de desenvolvimento de Destinos Turísticos Inteligentes no país para a transformação de Destinos em DTIs contará com o apoio do instituto argentino Ciudades Del Futuro (ICF) e da Sociedade Mercantil Estatal para a Gestão da Inovação e as Tecnologias Turísticas (SEGITTUR), da Espanha, instituições pioneiras e consideradas referência no segmento.

Em janeiro deste ano, o Ministério do Turismo firmou parceria com as duas instituições para o desenvolvimento de uma metodologia adaptada à realidade brasileira. A ideia é implementá-la, inicialmente, em 10 destinos do país, representando as cinco regiões brasileiras, em um projeto-piloto. Com isso, será possível analisar os procedimentos atuais e a implementação das estratégias, considerando as especificidades regionais. E, posteriormente, abranger mais municípios brasileiros.


Fonte / Texto: Ascom do Ministério do Turismo

quarta-feira, 28 de abril de 2021

=> 25,8% dos estabelecimentos pernambucanos aderiram ao selo Turismo Responsável

 Recife, Ipojuca e Fernando de Noronha foram os municípios que mais emitiram a certificação no estado

Apenas 25,8% dos estabelecimentos turísticos de Pernambuco aderiram ao “Selo Turismo Responsável, Limpo e Seguro”, do Ministério do Turismo, demonstrando que há espaço para ampliar a quantidade de adesões no estado. Após mais de 10 meses de seu lançamento, 973 selos foram emitidos no estado, com destaque para as agências de turismo (339), meios de hospedagens (250) e transportadoras turísticas (105). Entre as cidades pernambucanas, as empresas da capital, Recife, Ipojuca e Fernando de Noronha se destacaram no interesse pela certificação.

Ao todo, o Brasil já ultrapassou a marca de 27 mil selos emitidos por 15 tipos de atividades turísticas, como meios de hospedagem, parques temáticos, restaurantes, cafeterias, bares, centros de convenções, feiras, exposições e guias de turismo. Em quantitativo, os estados de São Paulo (5.441), Rio de Janeiro (3.798) e Minas Gerais (2.268) permanecem à frente. O documento é um reconhecimento visual e dá credibilidade aos empreendimentos do setor que declararam assumir os protocolos de biossegurança contra a Covid-19 ofertando, assim, mais segurança e conforto aos viajantes no país.

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, reforçou a importância da obtenção deste selo para uma retomada segura do turismo em todo o Brasil. “Fomos pioneiros nesta certificação e agora temos que fazer valer todo esse reconhecimento e trabalho que desenvolvemos. Atenção empresários, vamos aderir ao selo e garantir a segurança sanitária dos nossos turistas, que vão desfrutar das belezas que só o nosso país possui. Estamos juntos nessa!” destacou.

Para solicitar o selo, o estabelecimento precisa apresentar situação regular no cadastro de prestadores de serviços turísticos (Cadastur). Após se regularizar, é preciso acessar o site do Selo Turismo Responsável, ler as orientações e declarar atender aos pré-requisitos determinados. Após esses passos, o interessado é encaminhado para uma área do site onde pode fazer o download do selo para impressão.

Para utilizar o selo em local físico, o empreendedor deve colocá-lo em local de fácil visualização do cliente. O estabelecimento pode oferecer um QR Code para que os turistas verifiquem quais são as medidas adotadas por aquele empreendimento e/ou profissional.


Fonte / Texto: Ascom do Ministério do Turismo

terça-feira, 6 de abril de 2021

=> Sesc tem vagas abertas para cursos de Cultura em Garanhuns

 Formações artísticas são oferecidas pelo Centro de Produção Cultural, Tecnologia e Negócios (CPC), nas linguagens de Música, Literatura, Artes Cênicas e Visuais

 

O Centro de Produção Cultural, Tecnologia e Negócios do Sesc (CPC), em Garanhuns, está com vagas para cursos de cultura nas linguagens de Música, Literatura, Artes Cênicas e Artes Visuais, para públicos de todas as idades. As inscrições são feitas na Central de Relacionamento com o Cliente, na Rua Manoel Clemente, 136, Centro; já as aulas acontecem nos espaços do CPC, localizado na Rua Cônego Benigno Lira, s/n, também no Centro.

 

As matrículas e mensalidades custam R$ 80, mas os trabalhadores do comércio e seus dependentes, que têm o Cartão do Sesc atualizado, têm desconto e pagam R$ 40. A única formação gratuita é o Núcleo de Estudos em Literatura. “Todas as formações são ministradas por professores do Sesc, que possuem ampla experiência em suas áreas de atuação”, afirma Josimar Araújo, supervisor de cultura do CPC. Conheça um pouco de cada curso:

 

Violão para Iniciantes – ensina técnicas de dedilhado, preparação da mão, dedos e musculatura, a prática de acordes e a leitura de tablatura, cifras e partituras. Pessoas a partir dos 8 anos podem participar.

 

Musicalização para Crianças (6 a 10 anos) – cria uma corrente de comunicação rápida, regular e constante através do ritmo e da canção, transformando o sentido rítmico numa experiência corporal e melódica ativa e musical.

 

Expressão Vocal – desenvolve a formação da consciência didático-pedagógica do uso da voz, o uso do aparelho fonador, a técnica vocal apurada, o conhecimento, conscientização e controle do funcionamento da voz na respiração, emissão e ressonância.

 

Pintura em Aquarela – aborda técnicas básicas deste estilo, associando-a às técnicas experimentais como criação de pigmentos orgânicos, intervenção de colagens e bordado, em conjunção com técnicas básicas de habilidades motoras, sensibilidade estética e crítica.

 

Ilustração para Crianças – estuda a desconstrução e reconstrução de imagens e/ou texto autoral, por meio de obras literárias. Ensina técnicas básicas do desenho, habilidades motoras e artísticas, sensibilidade estética e crítica e o desenvolvimento do campo lúdico.

 

Ilustração – no curso, são explorados a sensibilidade estética, o universo criativo, a percepção crítica e as habilidades motoras do aluno e aluna, a fim de levá-los a desenvolver um pensamento artístico, social e político através da cultura visual contemporânea.

 

Escrita Criativa para Crianças (de 9 a 11 anos) – estimula a leitura, debate e a criação de textos autorais, a partir do contato com o universo da Literatura, contribuindo com a melhora da leitura e da escrita, da criatividade e do dinamismo no ambiente social.

 

Escrita Criativa para Adultos – visa criar experiências técnicas e gêneros diferentes para melhorar a escrita de forma geral, com estímulos diversos e exercícios simples ou mais elaborados, que pretendem alargar o campo de possibilidades de criação e escrita.

 

Núcleo de Estudos em Literatura – espaço de estudo teórico-prático, objetiva potencializar e aprofundar os estudos de gêneros e técnicas, provocando experiências de intervenções literárias e recitais, contribuindo para ampliar possibilidades de criação literária.

 

Teatro para Crianças – destinado a meninas e meninos com idades entre 6 e 10 anos, o curso trabalha a postura corporal, técnicas de respiração, fala, concentração e o desenvolvimento de competências e habilidades sociais, como trabalho em equipe.

 

Teatro 60 + –para idosos e idosas, que recebem lições de técnicas de concentração, respiração e desenvolvimento das expressões corporais. Também são praticados exercícios teatrais que trabalham jogos coletivos, interatividade, memória e ações físicas.

 

Balé Infantil – para crianças de 4 a 9 anos, trabalha habilidades básicas da técnica clássica e apresenta fatores constitutivos da expressividade do movimento. Noções básicas se dão através do lúdico e visam o aprimoramento do potencial criativo e da consciência corporal.

 

Balé para Adultos – tem como objetivo desenvolver habilidades básicas da técnica clássica, a partir do desenvolvimento de noções básicas do balé clássico, interseccionadas com práticas somáticas como o Pilates, visando o desenvolvimento da consciência corporal.

 

Dança Contemporânea – curso prático com o objetivo de desenvolver habilidades técnico-interpretativas, promovendo a consciência corporal, alinhamento postural e criatividade. São desenvolvidas técnicas mistas em dança, interseccionadas com práticas somáticas.

 

Sesc - Fundado em 1947 em Pernambuco, o Serviço Social do Comércio é uma instituição privada mantida pelos empresários do comércio de bens, serviços e turismo. Atuante na Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata Norte, Zona da Mata Sul, Agreste e Sertão, oferece atividades gratuitas ou a preços populares nas áreas de Educação, Cultura, Lazer, Assistência e Saúde para comerciários e dependentes. As 23 unidades, incluindo os hotéis em Garanhuns e Triunfo, operam respeitando os protocolos de saúde e alinhadas aos órgãos públicos, e têm ações presenciais, virtuais ou híbridas. No campo digital, a instituição oferece o aplicativo Sesc-PE, facilitando acesso às atividades, renovação e habilitação do cartão, entre outras funcionalidades, e disponibiliza a plataforma Sesc Digital

(https://cursos.sescpe.com.br/todos). Por ela, é possível conhecer o cronograma de cursos e realizar a inscrição de forma online e segura. Para acompanhar todas as informações sobre o Sesc, acesse www.sescpe.org.br. Além disso, os empresários do comércio de bens, serviços e turismo que possuem o Cartão do Empresário, da Fecomércio, podem adquirir produtos e serviços do Sesc em condições diferenciadas.

Mais informações: www.cartaodoempresario.com.br.

 

Serviço: Inscrições para Cursos de Cultura

Realização: Centro de Produção Cultural, Tecnologia e Negócios (CPC) do Sesc

Matrículas: Central de Relacionamento com o Cliente – Rua Manoel Clemente, s/n, Centro

Preços*: R$ 40 (trabalhadores do comércio e dependentes) e R$ 80 (público geral)

*o Núcleo de Estudos em Literatura é gratuito

Aulas: CPC – Rua Cônego Benigno Lira, s/n, Centro

Informações: (87) 3761.2658

 

Cursos

Violão para Iniciantes

Musicalização para Crianças (6 a 10 anos)

Expressão Vocal

Pintura em Aquarela

Ilustração para Crianças

Ilustração

Escrita Criativa para Crianças (de 9 a 11 anos)

Escrita Criativa para Adultos

Núcleo de Estudos em Literatura

Teatro para Crianças

Teatro 60 +

Balé Infantil

Balé para Adultos

Dança Contemporânea


Fonte / Texto: Cláudio Rodrigues - Staff Comunicação